quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Vendem na farmácia e não testam em animais!

Quando meu gel hidratante facial da Clinique me deu alergia, fiquei praticamente com uma máscara de Zorro vermelha ao redor dos olhos. Disso, aliás, dá pra tirar uma grande lição: Clinique é uma marca ruim? CLARO QUE NÃO! Mas algo na composição desse produto fez com que a minha pele se ressentisse. Eu e a Loo não temos nenhuma formação na área médica, e não temos por hábito ensinar padre a dizer a missa. Apenas sabemos 'da vida' que alergia é isso aí mesmo, você acaba descobrindo que tem quando fica exposto aquilo a que você é alérgico. De repente você é alérgico a algo a que nunca vai ser exposto, e talvez passe a vida sem saber da tal da alergia, a não ser que faça um teste. E alergia é pessoal e intransferível - tem gente que é alérgica, por exemplo, a brinco de prata. Tem gente que só pode usar ouro. Tem gente que não pode usar nada. De onde a gente conclui que não é só produto 'ruim' ou 'baratinho' que pode provocar alergia.


Cuidei do problema com antialérgicos, corticóides e, no final do tratamento, hidratante sem 'gosto' nem cheiro. Pra lavar o rosto, fiquei muito amiga dos sabonetes glicerinados, que evitam que a pele se chateie ainda mais. Até que virei a louca do sabonete glicerinado. Daí a minha felicidade quando recebi os produtos da Glisser em casa, pra testar.


Imagem: printscreen creuzo do site da marca. Paintbrush DOMINA.

Tirando o fato desanimador de que quase metade do sabonete líquido de algas vazou no pacote, fiquei bem curiosa com os produtos: o sabonete líquido que vazou é de algas marinhas e, segundo o site, é hidratante e emoliente. Na embalagem está impresso, em letras bem grandinhas, que o vasilhame é reciclável e que os produtos Glisser não são testados em animais (ó o leque de opções aumentando, ó!). Ainda não testei. Vieram também shampoo e máscara para proteção dos cabelos na hora da escova e da prancha. O shampoo não tem a ver com o meu cabelo, provavelmente leitora vai ganhar (hehe), mas a máscara vou guardar pra mim. Por que? Porque, sem saber, eu já faço o certo no meu cabelo desde sempre, como a Paola ensinou aqui: usar shampoo que limpa e máscara que trata, no lugar do condicionador, e só nas pontinhas já que meu couro cabeludo é um poço de óleo.


O que me deixou feliz e pulando de alegria foi que a marca mandou também um sabonete glicerinado em barra, 'sabor' própolis. Eu amo sabonete glicerinado, amo mel e amo própolis (lembram desse post?), principalmente por causa da ação bactericida, que dá uma ajuda na briga contra a acne. A embalagem informa que as gorduras usadas no produto são vegetais e não animais, embora o própolis seja um ingrediente de origem animal - abelha é invertebrado mas é animal, alô biólogos e professores de biologia! O cheirinho é bem neutro, pra não brigar com perfumes e não incomodar olfatos mais aguçados. Testei no banho, e aprovei, principalmente porque limpou sem ressecar a minha pele que ainda está queimada de sol.


A marca também informou que os produtos poderão ser encontrados em farmácias e drogarias. Mais nossa praia, impossível.


8 comentários:

  1. Nem fala em alergia!!! eu tenho, as vezes, não sei bem de que! legal né?! rs. Tem dias que saio do banho com o rosto mega vermelho! e usei o shampoo, condicionador e sabonete de sempre! Eu lavo a louça e o rosto empipoca! Tem dias de sol muito quente, que eu ando na rua e empipoco! Vai saber?!


    http://www.julianacronica.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Xará, eu tenho alergia 'ao mundo' tb. A pele é um pouco mais resistente, mas não tem um dia que eu passe sem espirrar. Tudo bem que quando me exponho a pó, os espirros são líquidos e certos. Mas às vezes aparentemente não tem nada, e lá tô eu espirrando...

    ResponderExcluir
  3. Olá!!! Já vejo seu blog há muito tempo e acho uma ótima fonte, até mesmo para acabar com o hábito de torcer o nariz para produtinho que via nas farácias e supermercados e não era de "marca"!! Rs. Bom to ai seguindo e sempre acompanhando!!

    Bjks

    ResponderExcluir
  4. Olá meninas!
    Que interessante (e chato) o seu problema com a Clinique.
    Eu não tenho problema com quase nada, fui experimentar os produtos da Clinique que minha irmã tinha comprado (ela tem alergia até a água!) e fiquei toda empolada.
    Ela foi experimentar meu exfoliante da Dermalogica (anti-alérgico, sem cheiro, sem cor, sem graça) e quase que tivemos que ir ao hospital com ela. Parecia que tinha passado ácido na cara!

    Interessante o quão individuais nós somos, né?
    Li outro dia num outro post que vcs só escrevem sbre produtos que curtem, pelo mesmo motivo. Adorei.
    Achei muito respeitoso.

    Beijinhos, meninas
    Boa sorte com as alergias
    Adoro vocês!

    ResponderExcluir
  5. Vc devia mandar um e-mail para a Clinique, afinal eles dizem que testam seus produtos umas nem sei quantas vezes e se der apenas uma ocorrencia de alergia que seja, o produto volta para o desenvolvimento... Quem sabe eles nao se interessam e vejam o que aconteceu...
    Janaina

    ResponderExcluir
  6. Você disse "A embalagem informa que as GORDURAS usadas no produto são vegetais e não animais, embora o própolis seja um ingrediente de origem animal."
    Bem, própolis não é gordura (nem cera), própolis é resina. Talvez fosse indicado checar o que o fabricante quis dizer com "gorduras", porque eles estão passando informação truncada para os clientes (e depois do post sobre alergia, todo cuidado é pouco).
    As usuárias de cosméticos deveriam saber também que os bons fabricantes de produtos põem um aviso na embalagem de que os produtos devem ser testados no braço para ver se causarão alergia.
    Um abraço.

    Janette

    ResponderExcluir
  7. Alergia é um assunto muito complicado para todos, inclusive para médicos especialistas. Muitas vezes o que acontece é que temos alergias "esporádicas" por que o nosso sistema imunológico está um pouco mais baixo. Ai a alergia se manifesta. Quando voltamos aos niveis normais de imunologia a dita duja nem aparece.
    Nunca vi essa marca Glisser na farmácia. Será que tem no pais todo???

    ResponderExcluir
  8. Oi Janny, a informação não está truncada não, fui eu que me expressei mal. O fabricante não disse que própolis é gordura, nem eu quis dizer (posso não ser da área de bio mas como boa fã do própolis, essa eu sabia), pareceu assim porque o parágrafo ficou meio mal redigido... O que eu quis dizer é que não obstante a gordura usada no sabonete seja vegetal, o própolis tem origem animal - daí eles podem até não testar os produtos em animais, mas não dá mais pra considerá-lo cruelty free nem vegan. Ficou faltando esse esclarecimento, do jeito que tá não dá pra entender mesmo! Bjs!

    ResponderExcluir

É novo(a) por aqui? Então preste atenção nas seguintes observações:

- O VnF? não é uma democracia
- Apreciamos críticas construtivas
- Comentários que tenham por objetivo apenas a auto-promoção poderão ser removidos.
- As postagens antigas estão sofrendo moderação para evitar os chatíssimos robôs-spam