sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Minúscula, ops, Maria Bonita para C&A.

Confesso que deu uma certa deprê em ver a Isabeli vestindo a mesma roupa que eu comprei... (imagem daqui).


Venho dar meu parecer sobre essa coleção, que nem foi tão falada quanto a do Reinaldão e parece muito feinha quando a gente olha no site da C&A. Bom, lhes digo que dêem uma chance, passem na loja pra ver por vocês mesmas, porque eu estava achando pelas fotos que tudo era feito de "tecidinho chinfrim" e fui surpreendida pelos algodões mais encorpados de algumas das saias, vestidos e shorts (tanto que eu, que não sou de short, comprei um - ah, acabo de me lembrar que fui ver o show de Sir Paul "The God" McCartney de short jeans, então talvez eu seja mais de short do que achava que era). Tá, tem algumas peças de viscolycra (em princípio nada contra, mas os produtos de viscolycra da C&A que tenho adoram encher-se de bolinhas) e uns vestidos estranhos com babados nas laterais que só devem ficar bons na Isabeli mesmo.

O problema maior da coleção me parece ser a modelagem. Fiquei super feliz em achar um tomara que caia de algodão estampado que, além de me servir, sustenta minha fartura tamanho 46 sem espremer - esse que a Isabeli usa na foto (chuif). O estranho é que, independentemente de tamanho de peito, sempre acabo usando vestidos 40 ou 42 na pior das hipóteses. De outro lado, este MBE by C&A que me serviu é um 44, que seria gigantesco pros meus padrões, ou seja, as roupas são meio pequenas. Suspeitei desde o princípio que a modelagem da coleção não iria favorecer todo mundo: se um tomara que caia serviu bem em mim, algo de estranho tem. Depois, vi no HVAOff várias meninas reclamando que os vestidos ficavam sobrando no busto pra quem tem menos peito. Então, o jeito é ir conhecer, experimentar e ver se serve. Se ficar sobrando no busto, ou se você precisar de uma roupa 2 tamanhos maior do que o seu usual, pode ter certeza de que não é pessoal, e que você não engordou de ontem pra hoje...

Só um adendo: meu vestido tem um ziperzinho minúsculo, que quebrou na primeira usada. Não me surpreendi muito, já que sempre tenho problemas com esses zíperes magrinhos laterais. O saco é que a roupa já estava sem etiquetas e de bainha feita, daí tive que levar na costureira pra trocar o zíper por vintão. Adicionados esses R$20 aos já não tão baratos cento e pouco reais que paguei na peça, senti pesar no bolso. O que me fez pensar positivo foi que não tenho encontrado muitos TQCs que me sirvam por aí, e custem menos de R$200,00... Enfim...

21 comentários:

  1. Joo, várias meninas reclamaram que os ziperes quebravam ainda no provador.

    :(

    ResponderExcluir
  2. Adorei! Eu sempre fico com problemas pq as roupas ficam justas em mim. A modelagem da Renner e eu não nos acertamos nunca!

    Tô louca para ir na C&A experimentar, mas eu tô de dieta de compras...

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. vinte conto pra trocar um zíper??
    perai que vou montar um ateliê de reformas, hoje ahahahaaha

    Joo, ontem, depois do seu post tive um surto e comprei o Clearance na Sweetcare.. foi 24 reais, acho,mas o frete deixou por 36.

    but, metade do preço daqui. Tomara que chegue hehehe

    bj

    ResponderExcluir
  4. ops, cleanance =)
    vi seu comentario do case do passaporte, escreve no euquero@ohmaria.com.br

    bjs

    ResponderExcluir
  5. Eu achei linda a coleção, mas a modelagem... só provando MESMO! Algumas coisas achei muito 'pesadas'!

    ResponderExcluir
  6. Joo, vc disse tuuuudo!! Comentei em alguns blogs que não gostei dos tecidos, sinceramente achei muito pesado, prefiro tecidos mais leves, com um caimento melhor!!Bem ..aconteceu exatamente o que falou, todos sobraram no meu busto e sempre disse a todos, só indo e provando para saber, pq cada corpo é um corpo!!Tb dei um alerta lá no blog em relação ao ziper, minha irmã comprou um vestido igual ao seu e o mesmo aconteceu com o ziper, ele emperra e depois quebrou!! No meu caso comprei um short saia, precisei trocar o número e qndo cheguei na lj n consegui achar nenhum com o coraçãozinho, tinham arrancado todos e o que é pior, deixaram umas brocas no tecido, oh povinho mais mau educadao esse!! Adorei seu post!!
    Bjs
    http://meninafutil.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Joo, concordo com vc! Comprei uma saia e um shorts que amei, mas os vestidos que provei ou ficaram largos no busto ou estavam com os zíperes quebrados!! Ainda assim, vale a pena conferir! Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Os ziperes quebram sim com a maior facilidade do mundo. Emperra e depois quebra. Osso.
    Assim como vc, tb tive que fazer a bainha, pq os vestidos ficaram compridos em mim. E olha que não sou tão pequena assim.
    Não consegui comprar nenhum short ou casaco aqui em Fortaleza, e é pq cheguei na manhã do lançamento. Mas peguei saia de oncinha colorida, esse mesmo vestido tomara que caia estampado e rosa.
    Os vestidos de babado lateral vestiram muito mal em mim, mas acho que isso é pq tenho o quadril largo. EM meninas mais magrinhas, acho que deve ficar bonito.

    ResponderExcluir
  9. eu achei tudo pra gorda (contem preconceito, nao precisa me avisar)

    na loja do Iguatemi só tinha numeracao grande e as peças eram gigantes, nem rolava uma super reforma para ajustar


    eu e o meu tamanho 36 nao curtimos

    ResponderExcluir
  10. Como não fazer amigos e cativar pessoas, aula prática #1 com Loo.

    ResponderExcluir
  11. Gostei de saber que os vestidos vestem peitos grandes, já que no Brasil o maior problema é que todos os estilistas acham que as mulheres nao tem peito algum. A maioria das roupas sao para as sem-peito, e quem tem peito grande só pode se vestir meio periguete ou com cara de crente, nunca tem um caimento bom. Muito difícil comprar roupa para quem tem peito grande, nem sutia dá para encontrar. Pena que nao estou no Brasil agora, adoro as roupas da Maria Bonita e nao dá para ficar comprando $empre.

    ResponderExcluir
  12. Vicky, eu sou peituda (e adoro) e tudo me serviu. Pelo que entendi, o vestido sobrou no peito das meninas que têm menos. E é aí que eu discordo da Loo: se a coleção fosse mesmo "pra gorda", eu que sou chubby simplesmente pegaria meu número, não precisaria de um treco 2 números maior pra servir. Acho que o estranho é a modelagem, mesmo.

    ResponderExcluir
  13. Joo, modelagem de vestido é uma coisa ingrata mesmo porque é uma infinidade de combinacoes peito-bunda que nao dá para fazer todas. Tipo Ppequeno-Bpequena, Pgrande-Bpequena, Pgrande-Bgrande, etc. Nesse ponto, acho que a questao do número nem é importante, mas para qual tipo de corpo foi modelada a roupa. Até porque a pessoa pode ter peito grande e ser magra (meu caso) ou ser gorda e ter peito pequeno.

    Na Inglaterra tem uma loja -Hobbs- que eu sempre babei nas roupas mas nunca pude comprar nada lá porque a modelagem é para quadril largo-peito pequeno, e meu corpo é exatamente o oposto. Comprava muita coisa da Zara, mas sempre tinha que fazer algum ajuste. Mas na Karen Millen as roupas pareciam feitas sob-medida, principalmente os vestidos, inclusive os tomara-que-caia, perfeitos. Minha numeracao no UK é 10, mas os vestidos da Karen Millen tem que ser 12 e vestem perfeitos tanto no quadril quanto no peito. E já as calcas de lá, comprava tamanho 8. Cada loja tem um número diferente, e na Zara, qualquer coisa era sempre tamanho 10, a única loja onde a modelagem era consistente e nem por isso o melhor corte ou acabamento.

    ResponderExcluir
  14. Sim, sim! As minhas calças da Zara são sempre numeração menor, e as da C&A, sempre um número maior... e eu tb tenho corpo assim, peitão e pouco quadril. É complicado!

    ResponderExcluir
  15. Eu achei que as peças na coleção vestem muito mal. Não tenho um corpo que exija uma modelagem especial: Não tenho bunda, não tenho quadril, tenho pernas longaaas e nada grossas... A única coisa que tenho em excesso é o busto (44). Não gosto muito do meu corpo no geral, mas confesso que na hora de comprar facilita ter um manequim 36/38. Acontece que nessa coleção tudo vestiu mal demais... Achei as blusas lindas, mas quando entram no corpo ficam meio sem forma, não dá para ajeitar. As saias ficaram fazendo "papa"na frente, sabe? E os vestidos também ficaram sem forma... Exprimentei tudo em P e M e não teve jeito... Absulutamente nada vestiu bem.

    Só não saí da loja completamente frustrada porque comprei uma calça jeans da linha Soul... Essa linha sim, veste muito bem! Calças lindas e super confortáveis.

    ResponderExcluir
  16. Joana, eu achei super bacaninhas essas calças da Soul! Fiz post outro dia, curti o fato de terem numeração quebrada. Fica a dica pras meninas que queriam mais opiniões sobre a linha.

    ResponderExcluir
  17. Joo

    Por isso que eu gosto de comprar na SAX, no PAraguai. Muitos vestidos custam 99 dólares, e vc sai com um ARMANI que veste muito bem.

    Eu não consigo mais comprar roupa no Brasil depois de descobrir a SAX.

    Beijo-beijo!

    ResponderExcluir
  18. Lu, eu nunca fui pro Paraguai, mas como eu viajo mais ou menos com regularidade pros EUA, sei que na Marshall's vou encontrar vestidos Calvin Klein que me caem superbem por US$50. E realmente, pensar nisso desanima qualquer um de comprar roupa por aqui... :( Acho que o consumidor brasileiro se sujeita a muita porcaria, mas daí já é papo pra outro post...

    ResponderExcluir
  19. "Acho que o consumidor brasileiro se sujeita a muita porcaria, mas daí já é papo pra outro post..."

    Apoiadíssima! A comecar pelos sutias...

    ResponderExcluir
  20. Nem me fale em sutiã! Eu não consigo usar sutiã nacional... O 44 fica enorme nas costas e com o bojo meio solto, e o 46 fica gigante! Felizmente a VS já está entregando aqui. Meus peitos e minhas costas agradecem!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  21. Sutiã é a mer** #1 da indústria de confecção Nacional. Até sutiã chinês, de barraquinha da 25 de março, costuma vestir melhor do que os caríssimos nacionais.

    Comprar roupa no Brasil é o meu desânimo principal na questão do consumo.

    ResponderExcluir

É novo(a) por aqui? Então preste atenção nas seguintes observações:

- O VnF? não é uma democracia
- Apreciamos críticas construtivas
- Comentários que tenham por objetivo apenas a auto-promoção poderão ser removidos.
- As postagens antigas estão sofrendo moderação para evitar os chatíssimos robôs-spam