segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Garimpo da Creuza Internacional: Ross, Marshall's e TJMaxx.

**Este é mais um post direcionado às creuzas que vão ou pretendem ir viajar, e estão atrás de bons negócios em comprinhas.**


Quem for visitar os Estados Unidos e quiser fazer compras não pode deixar de conhecer essas três pérolas da ponta de estoque multimarcas: a Ross, a Marshall's e a TJMaxx. Todas têm filiais em inúmeras cidades americanas, e funcionam mais ou menos no mesmo esquema: vendem itens originais de coleções passadas das marcas (e quem está ligando???), itens que "sobraram" nas prateleiras das lojas e itens com pequenos defeitos (por isso é sempre bom provar as peças e se olhar bem no espelho). Nelas você encontra roupas e sapatos femininos e masculinos, acessórios, perfumes, maquiagem e cosméticos diversos, itens para casa, brinquedos e roupas infantis...


Os preços são incrivelmente mais baixos que nas lojas das marcas, que por sua vez também vendem muito mais em conta lá fora do que aqui no Brasil. O resultado é que um vestido longo da Calvin Klein em perfeito estado pode sair por US$50, uma panela esmaltada da caríssima Le Creuset sem defeito algum pode sair por US$150, uma bolsa Nine West pode sair por US$30. Abaixo dou alguns exemplos de ótimas compras que fiz nessas lojas:



Perfumes Harajuku Lovers, Gwen Stefani: US$15 o grande e US$10 (menos de R$20, portanto) o pequeno, na Marshall's do Harlem, em NY. Por que esse preço? Porque as caixas estavam danificadas.




Colete sintético fofo, US$29,90, na Ross de Monterey, California.


Mamã comprou essa bolsinha croco da Nine West na Ross de Kailua Kona, Big Island of Hawaii. Depois achou que não iria usar, e me deu.



Sapato Madden Girl, US$29,00, na Marshall's do Harlem, em NY.



Sapato Betsey Johnson (acho que é o sapato mais fofo que tenho), US$49,00, na Marshall's do Harlem, em NY.



Óculos Marc by Marc Jacobs - ACHO que foi uns 30 dólares, sem caixa, na TJMaxx, em San Francisco.


Vestido Calvin Klein, US$49,99, Marshall's do Harlem, NY. Na última viagem, na Marshall de Humble, Texas, tinha outro da mesma coleção por US$20. A remarcação era devido ao cinto, que deveria acompanhar a peça, ter sido perdido por aí. Como eu evito usar cintura marcada pra não parecer que meus Cicciolina feelings são caídos, nem liguei... e levei!



Casaco 70% lã Miss Sixty, US$50, Marshall's do Harlem, NY.

Por isso, Creuza, quando for aos Estados Unidos, vale pesquisar na internet os endereços, e checar se há filiais da Ross, Marshall's ou TJMaxx por onde você vai passar. De cabeça, sei que há uma Marshall's enorme no Harlem em NY (e lá tem TJMaxx também), em San Francisco temos Ross e Marshall's na Market Street e TJMaxx no bairro do SoMA (dá pra ir andando de uma pra outra), há uma Ross enorme em Kailua Kona (Big Island of Hawaii) e uma Marshalls repleta de coisas ótimas para casa em Humble, pertíssimo de Houston, no Texas.

O lado ruim é que tem muita porcaria nessas lojas também. Tipo roupas com buracos enormes e coisas quebradas. TEM que prestar atenção, ter paciência para garimpar e para separar o joio do trigo, porque as coisas ruins estão misturadas com as boas. Se você tem preguiça de checar araras enormes nas quais muitas vezes os tamanhos estão misturados, preguiça de fazer fila, de loja de departamento cheia e precisa de um vendedor sempre a seu lado para te ajudar (e não existe mal nenhum em nada disso), melhor desistir. Em outras palavras, se você foi a NY ter uns dias de estilo de vida Carrie Bradshaw, a Ross, a Marshall's e a TJMaxx não são pra você.

Mas se você é como eu, uma pobre paciente, pode se jogar. Claro que precisa ter um tiquinho de sorte, porque essas lojas vendem itens que muitas vezes são únicos, e se comportam de um modo meio sazonal, como toda ponta de estoque: estive na Marshall's do Harlem no final de novembro de 2009 e depois na Páscoa de 2010, sendo que a primeira vez foi um sucesso e a segunda já não foi tão legal. Porém, com paciência e boa vontade, dá pra fazer ótimos negócios comprando nelas.

17 comentários:

  1. fora que também tem uns moletons muito delicia desses que vende em loja de surf por abusivos 100 por 9 dolares. etc e tal!

    ResponderExcluir
  2. Noss,a o blog aqui ficou muito lento, n sei oq houve. Tentei comentar no post dos cílios, mas sumiu!

    Bjus

    ResponderExcluir
  3. Fiquei muito feliz por ler esse post! Eu e três primas vamos para Nova Iorque pela primeira vez em fevereiro, pra fazer turismo e com dinheirinho contado para algumas comprinhas também. Já mandei a dica para elas, acho que vamos aproveitar!

    ResponderExcluir
  4. Ri muito do "Le Creuset"... no mundo bloguistico brasileiro, toma uma outra conotação hauauahuahuahauhau

    ResponderExcluir
  5. haha, total! e pior que ninguém me convence que panela esmaltada não solta "coisas" na comida, por cara que seja!

    ResponderExcluir
  6. Adorei os sapatos e o casaco vermelho!!Lindos!
    Beijinhos
    http://www.papodemeninas.com/

    ResponderExcluir
  7. quando li Ross lembrei que a minha mãe vivia falando dessa loja quando esteve em Honululu, quando olhei as etiquetas dos presentes surtei: bolsa e relogio da Guess por 16 doletas cada, disse para minha mãe: "como pode" e ela: "não sei só sei que foi assim".
    Ross e CostCo levam qualquer uma ao delírio.

    ResponderExcluir
  8. Nadia, ninguem diz, mas Honolulu é um lugar super bom pra compras!

    ResponderExcluir
  9. Nossa, Ross chega a me dar urticária, detesto, todas as vezes que fui lá, pura perda de tempo. Marshalls nunca fui.

    Mas, TJMaxx é minha preferida de longe! Impossível sair de lá sem alguma compra. Eu prefiro coisas para casa ou bolsas. No quesito roupas e sapatos, se voce veste os números mais populares vai encontrar pouca coisa, se encontrar alguma. Prefiro mesmo abajur, lencóis, toalhas, tapetes, cobertores, coisas de cozinha, pirex, almofadas, caixas decoradas, porta-retratos, etc. Eles repoe o estoque toda terca-feira, entao o melhor dia para fazer compras lá - se voce pode escolher - é quarta-feira de manha, porque as coisas somem das prateleiras muito rápido.

    ResponderExcluir
  10. UAU!!!! Já anotei tudo. Fui algumas vezes à NY e acredita que nunca fui à TJ Max e Marshalls no Harlem?? Só fiz aqueles passeios bem turíscos para ver aquelas igrejas com coral aos domingos, sabe? ótima dica para a próxima que já estou planejando...Dany

    ResponderExcluir
  11. Vicky, a Marshall's é minha predileta!!! Essa última que fui, em Houston, tinha bastante coisas de casa. Mas eu procuro bastante pra encontrar as roupas, viu, pq meu corpo não é a coisa mais proporcional do mundo...

    E ó, essa Ross que eu fui em Big Island era muito, muito, muito arrumadinha, consegui coisas bem legais tb!!!

    ResponderExcluir
  12. Joo, eu to na Califórnia esse mes, vou tentar dar umas olhadas por aqui e quem sabe dar mais uma chance a Ross. A TJMaxx é a loja preferida da minha cunhada, entao como estou na casa dela, nao falha. A Marshalls é a mesma empresa da TJ, nunca entrei em uma para ver como é, entao nao sei das diferencas. E o estoque dessas lojas varia muito de lugar para lugar. Quando estive em DC eu gostei de todas as roupas na TJ, mas em Albuquerque - a roca onde eu moro - acho as roupas bem cafoninhas e de baixa qualidade. Mas tenho um monte de roupas de lá, garimpadas por horas. E quando uso, todo mundo pergunta onde comprei...

    ResponderExcluir
  13. Na California eu estive nessa TJ em San Francisco apenas. Achei que havia pouca roupa, mas coisas boas, e como fui atrás de uma mochila e achei uma da Adidas por 20 dólares, saí super feliz!!! O negócio é garimpar mesmo, tb tem muita coisa brega daquelas que vc olha e fala WTF????? Mas acaba valendo a pena porque roupa aqui no Brasil é muito caro, qualquer trapinho de vestido é R$100. Daí vc acha um Calvin Klein pelo mesmo preço nessas lojas, puxa, é muito barato.

    ResponderExcluir
  14. Nossa que lindooooo!!! Adorei tudo... deu vontade de levar!!!
    Bjos

    ResponderExcluir
  15. Eu nem fazia ideia da existência dessas lojas, muito boa a dica!

    Acho que a questão maior é ter tempo e paciência, né... tem viagem que é tão corrida que não dá pra ficar a tarde inteira em uma mesma loja.

    E realmente, aqui qq vestido custa R$ 100, um sapato mais ou menos já tá na faixa de R$ 100 ~ R$ 150, então não tem nem como comparar com esses preços.
    Roupa barata aqui no Br tbm tem que garimpar muito... seja no shopping ou na José Paulino.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. ano passado eu morei numa cidadezinha a 15 minutos de sao francisco (moraga) e do lado de casa tinha uma tjmaxx! devia ter ido na de s.f. tbm, pq principalmente no quesito sapatos, a de Moraga era pobre pobre, coitada. mas me esbaldei nos óculos de sol!

    ResponderExcluir
  17. ae Joo, fiz a festa na marshalls da market st em SF, entrei do nada e tinha mto cosmetico em promoção (dei sorte, era depois do natal e acho que era a promoçao do dia) levei várias coisas full size da body shop por uns 7 dolar cada! Juliana

    ResponderExcluir

É novo(a) por aqui? Então preste atenção nas seguintes observações:

- O VnF? não é uma democracia
- Apreciamos críticas construtivas
- Comentários que tenham por objetivo apenas a auto-promoção poderão ser removidos.
- As postagens antigas estão sofrendo moderação para evitar os chatíssimos robôs-spam