sábado, 23 de abril de 2011

Coleção Cine Risqué Reinaldo Lourenço: o que eu achei

Recebemos (obrigada!) da Risqué a coleção Cine, desenvolvida em parceria com o Reinaldo Lourenço. Deixa eu já dizer que acho essas parcerias bacanas, porque tornam itens "fashion" acessíveis à maioria das pessoas. Mas (fué) é a segunda vez que o Reinaldão desenvolve uma coleção pra Risqué que não fala ao meu coração. A primeira foi a Coleção Jóias Místicas, lembram? Bom, como não sou muito de esmalte fosco, e a Jóias Místicas era cheia deles, normal eu não ter curtido. Mas e a Cine Risqué, hein? O que eu achei?

Vamos às cores:


Assim que recebi o pacotinho de esmaltes, que veio dentro de um copo de plástico com canudo super fofo, examinei tudo e pensei comigo: "dá pra dividir essa coleção em três partes: os esmaltes que eu gostei mas que são mais do mesmo, os esmaltes que eu não gostei e os avermelhados". Porque não dá pra dizer, por exemplo, que o Cenário Perfeito e o Beijo no Escurinho são feios - pelo contrário, são lindos demais. Mas parecem-se demais com muita cor de esmalte que já foi lançada. Desde que esse blog nasceu, surgiram diversos esmaltes azuis como o Cenário Perfeito, na vibe do Chanelzão Famosão Carão Blue Satin. Meu preferido é o Marinho, da Colorama. Já o Beijo no Escurinho, em minha opinião, é um clone do Tóquio, da própria Risqué. Obviamente que muitas meninas viciadonas em esmalte podem achar que o brilho do Tóquio é diferente do brilho do Beijo no Escurinho quando colocado sob luz amarela em uma noite de lua cheia na última sexta-feira do mês. Peço desculpinhas: REALMENTE não tenho esse olho clínico pra captar diferenças sutis entre esmaltes muito parecidos.

O Bonequinha de Luxo, o Felizes para Sempre, o Dia das Estrelas e o Anos Dourados não ornaram comigo. O primeiro é um rosinha-nude cremoso porém transparente, o segundo é puxado pro ouro, o terceiro é rosê metálico e o quarto, bom, esse realmente me deu medo, porque é um amarelão metalizado que parece resquício de que alguém passou mal que eu realmente não usaria. E olha que eu adoro esmalte amarelo, taí o Colorama Amarelo Pop Art que não me deixa mentir.

Confesso que o Pipoca Doce também é mais do mesmo, vermelho. Só que esmalte vermelho eu uso, né? E uso bastante. Esse parece com um que eu adoro, o Vinho da Impala, só que o Vinho tem uma vibe translúcida que esse não tem. Já o Nunca Fui Santa é uma daquelas cores que não é laranja, não é vermelha e não é rosa, e que faz todo mundo perguntar que esmalte você está usando, ou qual misturinha aprontou pra conseguir uma cor assim. Super aprovado.

Aaaaah, Joo, mas você não fez swatches? Não fiz, por minha-culpa-minha-máxima-culpa mesmo, já que acabei ficando apenas com o Pipoca Doce e o Nunca Fui Santa. O Bonequinha de Luxo ficou com a minha mãe, que adora uma camadinha de esmalte translúcido, estilo "minha unha é rosinha e fofa assim mesmo". Os demais dei para minha amiga Dedê, que adorou todos, inclusive o Anos Dourados. Tão vendo como é gosto, né? Não existe muito isso de "feio" ou "bonito", vai da preferência do freguês, e quem sabe o esmalte que eu não curti orna com a pele e o estilo de outra pessoa...


Foto: divulgação.


PS: Ah, esqueci de falar da cobertura fosca. Putz, cobertura fosca, para mim, é algo que não deveria existir neste planeta. Mas como li no Unha Bonita que a Risqué ainda não tinha esse produto, enfim, precisavam entrar na dança também.

PS2: Na semana que passou, me lembro de alguém dizer nos comentários que "se a marca X me desse produtos eu também não falaria mal dela". Queria primeiro lembrar que crítica não é necessariamente "falar mal" e que, sim, posso perfeitamente não gostar de algo que ganhei. Isso já aconteceu mil vezes nesse blog, mas só quem realmente lê é que sabe...

PS3/Update: a leitora Nicole me lembrou, nos comentários, de que houve outras parcerias da Risqué com o Reinaldão: coleções Arábica e Pop 4 You. Gente, eu super esqueci! E só posso justificar isso com 2 razões: 1) a gente não liga (mesmo!) para coisas grifadas e 2) foram duas outras coleções que não me falaram ao coração. Ok, na Arábica tinha o cinzinha fofo (que eu inclusive comprei) e na Pop 4 You tinha um cinza igual, só que... FOSCO! Aaaargh! A gente recebeu, e as cores mais legais eram foscas (mas a caixinha, em compensação, era linda). Enfim, acho que eu queria menos esmalte do RL, e mais roupa em parceria com a C&A, hihihi.

9 comentários:

  1. meninas, nem é a segunda parceria do reynaldo com a risqué. é tipo a terceira ou quarta. hah
    teve a dos cafés e a pop4you que acho que era dele tb!

    ResponderExcluir
  2. Ahahahah é mesmo Nicole! Deu pra perceber que a gente super NÃO LIGA pra grifes, né? De qualquer forma a coleção dos cafés tinha o cinzinha bonitinho e a Pop 4 You eu não super amei nenhum também, a gente recebeu e eu me lembro apenas do mesmo cinza, só que fosco (nhééé). Mas de qualquer forma obrigada, já estou fazendo um update no post!

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  4. Dessa coleção eu só me interessei pelo Bonequinha de Luxo e pelo Nunca fui Santa, acho que tá ficando difícil lançar uma coleção em que a gente se apaixone por todos né? Se bem que a nova da Impala tá linda, vcs já viram?

    ResponderExcluir
  5. Eu tenho preferido mil vezes cada coleção da Impala às da Risqué. Acho que a última da Risqué que teve novidade pra mim foi a New York. A Pop4you ok, salva. O resto é sempre mais do mesmo, e nem é do mesmo legal, é um mesmo meio sem graça. Já Impala tem acertado nas últimas e tem lançado umas cores legais.

    ResponderExcluir
  6. Eu super gosto da Colorama... não é uma marca que me parece ter muitas "pretensões fashion" mas as coleções sempre me agradam!!!

    ResponderExcluir
  7. AMEI o "nunca fui santa".
    Loo, é alguma coincidência com o meu coração peludo? hahahahahah

    ResponderExcluir
  8. que preconceito com os foscos!!
    pra ver como gosto é gosto, comprei uma base fosca só pra conseguir deixar tooooodos os esmaltes com esse acabamento!
    mas, cada um na sua, né?
    beijo

    ResponderExcluir
  9. tati, ué... gosto agora virou preconceito? não entendi...

    ResponderExcluir

É novo(a) por aqui? Então preste atenção nas seguintes observações:

- O VnF? não é uma democracia
- Apreciamos críticas construtivas
- Comentários que tenham por objetivo apenas a auto-promoção poderão ser removidos.
- As postagens antigas estão sofrendo moderação para evitar os chatíssimos robôs-spam